segunda-feira, 28 de setembro de 2009

PARASITA

Cada um de nós está ameaçado de ser consumido pelo que fazemos e somos. Para Maxwell Jensen, foi a cobiça. Acreditando que um receptáculo do governo à prova de radiação estivesse sendo usado para transportar dinheiro, Jensen abriu-o, absorvendo os materiais radiativos. Ele foi transformado em algo semelhante a uma fornalha atômica ambulante. Seu dom de absorver energia e personalidades dos outros é uma necessidade de sobrevivência. Sem isso, ele literalmente se esgotaria. Jensen era um criminoso antes de ser transformado num ser interessado em mais do que dinheiro. Agora, ele quer poder. E essa é a razão por que o Parasita quer matar o Superman. Não por ódio, mas para absorver e adquirir a própria natureza do Superman. Eu sempre considerei que, enquanto o Parasita viver, o Superman é uma ameaça para o mundo.

DOS ARQUIVOS PARTICULARES DE BRUCE WAYNE NO BATCOMPUTADOR

Fonte: JUSTIÇA # 4 (JUNHO/2007)