sábado, 9 de novembro de 2013

LIVRO ESTUDA O ATO DE COLECIONAR


O professor universitário, jornalista e colecionador de HQs Agnelo Fedel acaba de lançar Os Iconográfilos - Teorias, Colecionismo e Quadrinhos (LCTE Editora, 72 págs.), um estudo que aborda o ato de colecionar, em especial, revistas em quadrinhos.

A obra de Fedel recorre à psicanálise para entender o desejo de colecionismo, para depois se aprofundar em pesquisas e entrevistas com donos de lojas e fanáticos por gibis. O autor conta que colecionou um número tão grande de histórias que pretende escrever um próximo livro só com os melhores "causos" relatados. Entre eles, a negociação em São Paulo de um número 5 da revista brasileira do Pato Donald, de 1950, por - pasmem - cinco mil reais! Numa conversa com a Mundo dos Super-Heróis, ele dá algumas dicas para guardar corretamente uma coleção de gibis.

Quais as técnicas para conservar revistas antigas?

Revistas em quadrinhos são basicamente papel e tinta. A principal regra, caso você realmente queira conservá-las, é mantê-las sempre em local refrigerado, com baixa umidade e calor. Há quem coloque em saquinhos plásticos mas, se as revistas estiverem em local úmido, vão embolorar de qualquer maneira. Caixas de papelão com tampa são a melhor opção.

Existe uma técnica de conservação ideal para revistas com miolo em papel jornal, como aquelas em preto e branco da Ebal nas décadas de 50 a 80. Basta passar, delicadamente, uma camada fina de cera branca, aquela de assoalho. Além de conservar, a cera evita traças e mofo.

Fonte: Mundo dos Super-Heróis # 4 - Abril/Maio de 2007 - Editora Europa.

FEDEL, AGNELO

Graduado em Comunicação Social - Jornalismo. Especialista em Teorias e Técnicas da Comunicação; Mestre em Comunicação e Mercado. Docente das disciplinas Teorias da Comunicação, Sociologia da Comunicação, Estética e História da Arte, Redação e Edição. Redige, produz e apresenta um programa semanal sobre cinema no Canal 25 - NET Jundiaí - o Cine Drops, desde 2005.

Fonte: Livraria Cultura