domingo, 1 de fevereiro de 2009

Por que o mês de fevereiro tem apenas 28 dias?

No ano de 46 a.C. o imperador romano Júlio César promoveu uma reforma no calendário: um dia foi acrescentado a cada quatro anos – daí o ano bissexto – e os meses passaram a ter, alternadamente, trinta ou 31 dias. Nos anos bissextos, o mês de fevereiro, que tinha 29 dias, ficava com trinta. Em 44 a.C; no segundo ano de vigência desse Calendário Juliano, o Senado decidiu homenagear o imperador e propôs que o mês Quintilis – que tinha 31 dias – passasse a se chamar Julius (julho). Trinta e seis anos depois, em 8 a.C; o nome do oitavo mês, Sextilis, foi mudado para Augustus (agosto) em honra ao então imperador César Augusto. Mas, como o mês escolhido para homenagear Augusto tinha trinta dias, um a menos que o do Julio César, optou-se por tirar um dia de fevereiro – que ficou com 28 dias – e adicioná-lo a Sextilis. Para manter o critério de alternância do Calendário Juliano – um mês com trinta, outro com 31 dias –, já que agosto ficou com 31 dias, setembro passou para trinta e assim sucessivamente.

O imperador romano Júlio César promoveu a reforma do calendário


Fonte: Revista SUPER INTERESSANTE # 1 (outubro/1987 – pág. 12)2004