domingo, 20 de março de 2011

ASILO ARKHAM

Retorno às origens

A década de 70 foi marcada por grandes equipes criativas e a volta do lado mais sombrio do Morcego

Por André Morelli



Em Batman 258, de 1974, foi feita a primeira referência ao Asilo Arkham, o manicômio judiciário que passou a abrigar os criminosos de Gotham que apresentavam algum problema mental, como o Coringa e o Duas-Caras. Os vilões considerados normais eram mandados para a penitenciária de Blackgate. Com o tempo, o Arkham passou a abrigar não só os loucos, mas qualquer condenado que precisasse de cuidados especiais. Um exemplo é o Senhor Frio, que apesar de mentalmente são, cumpre sua pena no Asilo, o único lugar equipado com o sistema de refrigeração necessário para mantê-lo vivo. O nome Arkham foi retirado de um conto de horror de H. P. Lovecraft e em suas primeiras aparições, também era o nome da cidade onde ele se localizava. Nos anos 80, a cidade foi ignorada e o asilo passou a fazer parte de Gotham City.

Fonte:
Mundo dos SUPER-HERÓIS # 11
julho/agosto de 2008
pág. 27

Leia também:
ANIMAÇÕES NA TV