sexta-feira, 9 de dezembro de 2011

14. OS ROTEIROS DE CONWAY

Amazing Spider-Man Vol 1 #111
August, 1972

Após a marcante passagem de Stan Lee e Roy Thomas, a revista Amazing Spider-Man ficou a cargo do jovem roteirista Gerry Conway, que assumiu a partir da edição 111 (1972). Sua HQ de estréia contava com um vilão de terceira categoria, o Gibão, mas com o passar dos números Conway mostrou muitos pontos altos. Ele escreveu histórias bem-humoradas com a dupla Aranha e Tocha Humana, como aquela com a construção do Aranhamóvel e a aparição de outros vilões de menor importância. Mas o legado do roteirista foi além da comédia. Conway foi responsável por clássicos combates do Homem-Aranha contra Hulk e Luke Cage, a criação do Cabeça-de-Martelo (vilão que parecia saído das páginas de Dick Tracy) e o Tarântula. Mas, principalmente pelo tópico a seguir.

No Brasil:
O Homem-Aranha 51 (Ebal, junho de 1973),
Homem-Aranha 13 (RGE, fevereiro de 1980) e
Teia do Aranha (Ed. Abril, 1991)

Fonte: Mundo dos Super-Heróis - Número 9 - março/abril de 2008
pág. 25