sábado, 17 de janeiro de 2009

NESTA VIDA, DESCOBRIMOS
MUITAS ALEGRIAS, EM
QUALQUER PERCURSO.


Passando por vários reveses e decepções, vamos descobrindo, pouco a pouco, coisas boas, belas e maravilhosas e nisso encontramos a alegria de viver. Tendemos a pensar somente em seguir em linha direta para chegar ao destino. Mas, desse modo, não podemos vivenciar coisas e fatos interessantes. Nesta vida, não há caminhos inúteis. Qualquer que seja o percurso, é certo que, ao longo do caminho, estão escondidos “potes” de ensinamentos, de alegria etc.

Do livro Shiawase wa Wagaya Kara – Seicho Taniguchi