terça-feira, 9 de junho de 2009

NEW ORDER



Biografia

Bernard Dicken (Barney Sumner, Manchester/GB, 04/01/56, vocais)
Peter Hook (Salford/GB, 13/02/56, baixo) e
Stephen Morris (Macclesfield/GB, 28/10/57, bateria)

começam a ensaiar juntos em 77, ainda como Joy Division. Depois da morte de Ian Curtis, em maio de 80, o grupo decide prosseguir com New Order, com Barney assumindo os vocais. Ainda nesse ano, a banda ganha uma nova integrante:

Gillian Gilbert (Manchester/GB, 27/01/61, teclados, sintetizadores)

Em janeiro de 81, sai o primeiro single, "Ceremony". O álbum de estreia, Movement, é recebido com frieza pela crítica e público.
Em 83, gravam "Blue Monday", que fica entre as Dez Mais na parada britânica e transforma-se no compacto de doze polegadas mais vendido de todos os tempos.
Power, Corruption & Lies, o segundo LP, emplaca mais um hit: "Thieves Like Us". Low Life, de 85, inclui o hit "Shellshock"
"Bizarre Love Triangle", faixa de Brotherhood, lançado em 86, ganha mais uma vez as pistas de dança de todo o mundo.
O single seguinte, "True Faith", coloca o grupo no Top Ten da parada americana pela primeira vez em 87.
Em 88, "Blue Monday", relançado com remix de Quincy Jones, chega ao terceiro lugar nos EUA. Em novembro desse mesmo ano, o grupo desembarca no Brasil para uma série de shows.
Technique, lançado em 89, chega ao primeiro lugar na parada britânica. Ainda nesse ano, Bernard Sumner e Johnny Marr (ex-Smiths) formam o Electronic, que lança dois singles: "Getting Away With It" e "Get The Message".

Frases

"A morte de Ian foi um choque tão grande que tínhamos que nos manter ocupados. Por isso, gravamos o mais rápido possível"
(Peter Hook, sobre Movement).

"Somos a única banda respeitada hoje, os únicos que fazem as coisas que querem fazer"
(Hook, em 88).

"Não acho que nossa música venha de nós mesmos. Acho que vem das pessoas que ouvem. Somos um espelho"
(Barney Sumner).


  • LPs

  • Movement (81)
  • New Order, 1981-1982 (82)
  • Power, Corruption & Lies (83)
  • Low Life (85)
  • Brotherhood (87)
  • Substance (coletânea, 87)
  • Technique (89)
  • Peter Hook: (com o Revenge) One True Passion (90)


  • Vídeos

  • Taras Shevchenko (81)
  • Pumped Full Of Drugs (84)
  • Live In Tokyo (85)
  • Academy (87)
  • Substance (89)


  • Livros

  • New Order & Joy Division: Pleasures & Wayward Distractions, de Brian Edge
  • An Ideal For Living - An History Of Joy Division, de Mark Johnson