segunda-feira, 7 de fevereiro de 2011

LADY LETAL

(Yuriko Oyama)

Filha do cientista renegado Kenji Oyama - também conhecido como Lorde Vento Negro, um terrorista que defendia a superioridade do Japão sobre todos os outros países -, Yuriko Oyama se recusou a participar dos esquemas terroristas do pai. Quando jovem, ela lutou ao lado do Demolidor para derrotar seu pai e libertar seu grande amor (um servo chamado Kiro) da obrigação de servir ao Lorde Vento Negro. Mas quando Yuriko matou seu pai, Kiro preferiu se matar. Isso levou Yuriko à insanidade e fez com que ela, enfim, abraçasse os ideais de seu pai.
Na tentativa de recuperar o processo criado pelo seu pai, capaz de ligar adamantium aos ossos humanos, Yuriko decidiu eliminar Wolverine para estudar seu corpo. Após ser derrotada pelo herói, entrou em contato com Espiral, uma guerreira do Mojoverso que recriou Yuriko como uma ciborgue com ossos e garras de adamantium. Ela se tornou uma combatente capaz de enfrentar Wolverine de igual para igual, o que resultou numa série de conflitos ao longo dos anos.
Lady Letal segue um distorcido código de honra e até se recusou a matar Wolverine quando teve chance: no período que o adamantium foi retirado do corpo do herói. Segundo o código de Yuriko, isso tornava o oponente inferior e, portanto, indigno de ser eliminado. Yuriko foi dada como morta recentemente, após um confronto com X-23, a filha/clone de Wolverine. Mas como já sobreviveu a danos maiores, é improvável que Lady Letal tenha sido realmente eliminada. Yuriko Hashida apareceu pela primeira vez em Daredevil 197, de 1983.

Lady Letal

Daredevil (Vol 1) 197-A
Comic Book by Marvel, Aug 1983

FONTE:
MUNDO DOS SUPER-HERÓIS # 16
MAIO/JUNHO DE 2009
Pág. 34


Veja também:
MAGNETO