quinta-feira, 25 de outubro de 2012

VIÚVA-NEGRA

The Black Widow


Após a suposta morte de seu marido Alex, um piloto de provas, Natasha Romanoff se alistou na agência de espionagem soviética, a KGB. Sendo já uma dançarina e atleta soberbamente treinada, Romanoff aprendeu as artes de espionagem e foi condecorada com o cognome de Viúva-Negra. Sua primeira missão foi se infiltrar nas indústrias Stark, na América, e auxiliar seu parceiro Boris no assassinato do dissidente russo, professor Anton Venko, o primeiro Dínamo Escarlate. Em sua quarta missão, ela recebeu um uniforme especial projetado pelo cientista soviético Brushnev. Natasha não demorou a abandonar a União Soviética e oferecer seus serviços para SHIELD. Agindo por algum tempo ao lado do herói cego, Demolidor - com quem manteve um conturbado romance -, a Viúva Negra acabou se separando dele para retornar ao campo de espionagem. Criada em 1964 por Stan Lee, a bela ruiva não possuiu força sobre-humana, sendo, contudo, um atleta de nível olímpico. Seu uniforme está equipado com microventosas de sucção na região dos dedos e pés, o que a torna capaz de subir em paredes e tetos. Os cartuchos em suas pulseiras contém um dispositivo de impulsão capaz de lançar um fio com gancho a uma distância de até trinta e cinco metros. As pulseiras também possuem um pequeno aparelho que pode emitir uma descarga de trinta mil volts a uma distância de três metros. Outros cartuchos nas pulseiras contêm cápsulas de gás lacrimogêneo e um transmissor de rádio.

Fear Itself: Black Widow 1-A 
Comic Book by Marvel, Aug 2011  

Fonte: Dicionário Marvel - 207-208
Capitão América #71 - Abril de 1985