sexta-feira, 17 de setembro de 2010

BANSHEE

(Sean Cassidy)

O irlandês Sean Cassidy foi um agente da Interpol, agência européia de inteligência contra o crime, que caiu em desgraça por acreditar que um atentado terrorista matou sua esposa e filha, enquanto ele estava fora da Irlanda em missão. Traumatizado, Cassidy se mudou para os Estados Unidos, sem saber que sua filha Theresa havia sobrevivido ao atentado. Lá, o ex-agente tentou a carreira de detetive particular, mas a depressão o levou ao mundo do crime. Sua habilidade em emitir poderosas ondas sonoras através de gritos, escondida de todos por anos, foi descoberta pela organização criminosa Fator 3 que, por meio de um aparelho de controle mental, o forçou a lutar contra os X-Men. Liberto do aparelho, Sean abandonou o passado criminoso e se tornou um grande amigo de Xavier e seus alunos. Só se tornou oficialmente um X-Man anos depois. Os gritos de Cassidy permitem abater seus adversários com ondas de energia sônica e, se usadas com força total, podem destruir até uma ilha. Além disso, o mutante pode voar e simular o efeito de radar dos morcegos. Em sua primeira aparição, em X-Men 28 de 1967, Banshee parecia um elfo, com direito a um rosto esquisito e orelhas pontudas. Esse visual logo depois foi ignorado.

Banshee

X-Men (Vol 1) 28-A
Comic Book by Marvel, Jan 1967

FONTE:
MUNDO DOS SUPER-HERÓIS # 4
ABRIL/MAIO DE 2007
Pág. 18